segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

A cada chuva um novo alagamento...

É só ficar nublado em belém que os moradores do Bairro do Marco dizem logo "Já vamos ficar no fundo outra vez". É asim que tem sido a triste realidade deste bairro que divide as leguas patrimoniais da matropole da amazônia.
O problema ocorre na área de periferia do bairro, mais precisamente no quadrilatero entre as avenidas 1º de dezembro e Perimetral e as travessas da Vileta e Angustura.  

Já são muitos os natais que os moradores desta área passam literalme debaixo d'agua, sem que o poder publico possa solucionar definitivamente o problema. A Associação dos Moradores do Bairro do Marco, foi uma das principais entidades que lutaram pela estadualização das obras de Macrodrenágem da Bacia do Tucunduba, ação que amenizará  boa parte do sofrimento de nosso bairro.

Pelo que podemos observar, o governo do estado não esta nenhum pouco precupado com as milhares de famílias que vivem nessa situação. 02 anos se passaram desde que Simão Jatene (PSDB) assumiu e  até agora as obras encontram-se paralisadas, comentou uma moradora da travessa Vileta.  

Nenhum comentário: